Política de Campos tem acusações nas redes sociais e queixa na Deam

Política de Campos tem acusações nas redes sociais e queixa na Deam
  • Publishedagosto 14, 2023

Os últimos dias foram quentes na política de Campos. E nada indica que a temperatura vá baixar. A tão falada pacificação política entre o prefeito Wladimir Garotinho (sem partido) e o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), Rodrigo Bacellar (União), precisa ter bases mais do que sólidas para resistir aos ataques e contra-ataques dos pais deles.

Desde a semana passada o ex-governador Anthony Garotinho vem utilizando as redes sociais para fazer ilações relacionadas ao patrimônio de Rodrigo. Garotinho começou a artilharia na internet após a oposição em Campos impor uma derrota a Wladimir, voltando a ser maioria e aprovando a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) com 10% de remanejamento. Não só isso, ficou ofendido com as críticas feitas pelo presidente da Câmara, Marquinho Bacellar (SD), na Câmara, e afirmou que a investida contra o prefeito teve o aval de Rodrigo. E não poupou nem o filho, ao falar sobre cargos da oposição no governo de Campos.

100

Wladimir, por sua vez, vem tentando apaziguar o clima. Em relação a denúncias contra Rodrigo, Chegou a declarar que isso não é uma briga deles, deixando no ar a possibilidade de o pai estar sendo “usado” para ecoar essas denúncias por interesse de outros atores políticos — que já estariam pensando na sucessão de Cláudio Castro (PL), em 2026. Fato é que as ilações levantadas por Garotinho ganharam espaço em grandes veículos de comunicação do país. Teria o ex-governador capital para sozinho emplacar na Globo, Veja, Metrópoles e Uol as denúncias feitas nas suas redes, com o retorno do seu blog?

Uma foto de Wladimir com vereadores de oposição, no último sábado (12), na tradicional Feijoada da Folha da Manhã, também foi alvo de críticas de Garotinho. Ele voltou a cobrar uma postura diferente da adotada pelo filho e fez duras acusação ao clã Bacellar.

Resposta veio em vídeo de Marcos Bacellar

Se Rodrigo Bacellar vem respondendo em nota a todas as ilações feitas acerca do seu patrimônio — sempre repudiando essas ilações e descartando qualquer irregularidade —, um vídeo gravado pelo patriarca da família veio em tom bem mais agressivo. E foi direcionado como resposta a Garotinho.

O pai do presidente da Câmara e do presidente da Alerj partiu para o ataque contra o casal. Na compreensível defesa ao filho, parece ter perdido a mão nas ofensas aos ex-governadores — sobretudo com Rosinha, que vinha ficando mais de fora dos embates políticos nos últimos tempos. Marcos Bacellar, que também já presidiu a Câmara de Campos, chegou a falar sobre o baixo nível das próprias declarações e disse para os políticos da Lapa se prepararem para as próximas publicações.

Rosinha faz denúncia na Deam

Ex-prefeita e ex-governadora, Rosinha Garotinho foi à Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), em Campos, na tarde desta segunda-feira (14). Ela registrou uma queixa por se sentir agredida moralmente e ameaçada no vídeo publicado pelo ex-presidente da Câmara de Campos.

Wladimir, desta vez, se posicionou pelas redes sociais, em apoio a Rosinha. “Minha amada mãe, não se abale por ataques baixos ou palavras que não condizem com o seu caráter. As pessoas te conhecem de uma vida e sabem da sua retidão enquanto esposa, mulher e mãe. As palavras proferidas estão causando mais dano ao difamador do que a você. Estou e estarei ao seu lado, sempre! A pacificação política jamais me impedirá de defender a honra daquela que sempre me amou. As questões jurídicas estão em curso, quem ataca mulheres de maneira covarde merece encarar a justiça e ser punido no rigor da lei”, postou o prefeito.

A conferir os desdobramentos dos casos.

About The Author