Com Bacellar na presidência, sessão solene na Alerj abre a 13ª Legislatura

Com Bacellar na presidência, sessão solene na Alerj abre a 13ª Legislatura
  • Publishedfevereiro 7, 2023

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) realizou, nesta terça-feira (07), a sessão de abertura da 13ª Legislatura, comandada pelo presidente da Casa, deputado Rodrigo Bacellar (PL). O plenário contou com a presença do vice-governador Thiago Pampolha (União); do presidente do Tribunal de Justiça (TJ), desembargador Ricardo Cardozo; e do procurador-geral de Justiça do Ministério Público (MP), Luciano Mattos. Prefeito de Campos, Wladimir Garotinho (sem partido) também visitou a Alerj nesta terça.

— A sessão de inauguração do trabalho legislativo do ano foi muito bem representada com os chefes de Poderes do estado. Temos que zelar sempre pela harmonia, independência e respeito entre eles. Nós começamos de uma forma muito positiva com aquilo que a Casa pede: debate no campo da troca de ideias. Temos divergências, mas sempre respeitando uns aos outros — destacou Bacellar.

De volta à Casa onde foi deputado por três mandatos consecutivos, o vice-governador Thiago Pampolha — que representou o governador Cláudio Castro (PL) — apresentou o plano de governo para este ano. Pampolha destacou avanços promovidos pela gestão atual na economia fluminense, que encerrou 2022 com mais de 194 mil empregos criados. O novo momento econômico vivido pelo Estado do Rio, como descrito por ele, reflete as medidas implementadas através do diálogo entre os Poderes.

— Esta Casa cooperou para a reconstrução do Estado do Rio travando debates e aprovando medidas necessárias, muitas vezes cruciais, a exemplo do Regime de Recuperação Fiscal — comentou o vice-governador.

Ocupando também o cargo de secretário de estado de Meio Ambiente, Pampolha destacou o aporte de R$ 6 bilhões oriundos da outorga da Cedae para despoluição da Baía de Guanabara, do Rio Guandu e do Complexo Lagunar de Jacarepaguá; a criação do maior programa de educação ambiental do país, o Ambiente Jovem; e o decreto que regulamenta o sistema de Logística Reversa do estado.

Diálogo e interlocução
A harmonia entre os poderes, sempre prezando pela independência entre eles, também foi um destaque na fala do presidente recém-empossado do Tribunal de Justiça do RJ, desembargador Ricardo Cardozo, que disse ter um carinho pessoal e institucional pelo Parlamento.

“Nós não fazemos favor em trabalhar. Nós ganhamos para servir ao povo, à sociedade, centro das nossas atribuições”, comentou Cardozo, antes de dar boas-vindas aos novos parlamentares. “Que busquem o que há de melhor na experiência dos mais antigos”, incentivou.

Procurador-geral de Justiça do MP-RJ, Luciano Mattos reafirmou seu compromisso em estreitar as relações entre o Ministério Público e o Parlamento. “Esta Casa é extremamente relevante para a sociedade. Tenho certeza de que continuaremos com esse importante diálogo”, disse Mattos, que também compôs a mesa de abertura do ano legislativo.

Fizeram parte, ainda, da mesa o subprocurador de Justiça, Marfan Martins Vieira, e o procurador-geral da Alerj, o campista Robson Maciel Júnior. Os deputados Luiz Paulo (PSD) e Martha Rocha (PDT) auxiliaram no hasteamento das bandeiras do Brasil e do Estado do Rio.

100

Fonte e foto: Alerj

About The Author

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *